• Chácara da Sefin
  • Reveillon do Vera
  • Viva Bela Cosméticos
  •  INSIDE
  • Faculdade UNIJIPA
  • Universidade Unopar Polo Ji-Paraná
  • Materjipa Materiais para Construção
  • Senadores querem propor referendo sobre a PEC 241

    Senadores da Rede Sustentabilidade e do PCdoB querem sugerir uma emenda para a realização de um referendo sobre a PEC 241, que limita os gastos públicos por 20 anos. De acordo com...

    Política
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 24/10/2016 ÀS 11:55:15

    Senadores querem propor referendo sobre a PEC 241

    Senadores da Rede Sustentabilidade e do PCdoB querem sugerir uma emenda para a realização de um referendo sobre a PEC 241, que limita os gastos públicos por 20 anos. De acordo com o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), a ideia é consenso entre a oposição.


    Segundo o blog Cartas da Esplanada, da Carta Capital, o parlamentar afirmou que a emenda pode ser apresentada durante a tramitação da PEC no Senado, mas a consulta popular aconteceria somente após a aprovação final da proposta no Congresso Nacional.


    Para justificar a proposta de referendo, parlamentares de base do governo reforçam que a decisão final sobre a PEC 241 está marcada para 13 de dezembro e, como consequência, o referendo teria um curto espaço de tempo para ser realizado ainda em 2016. A ideia do governo é a PEC passar a valer já em 2017.


    A PEC está programada então para ser votada no dia 9 de novembro na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Depois segue para votação em 1º turno no Plenário, o que deve acontecer no dia 29 de novembro. No dia 13 de dezembro, a proposta será votada em caráter definitivo.


    A PEC tem gerado críticas entre movimentos sociais e estudantis, e em grande parte da sociedade civil, pois o projeto também afetará a saúde e a educação. Já são mais de mil escolas ocupadas em todo o País contra a proposta.


    "As alterações por ela [PEC] pretendidas são flagrantemente inconstitucionais, por ofenderem a independência e a autonomia dos Poderes Legislativo e Judiciário e por ofenderem a autonomia do Ministério Público e demais instituições constitucionais do Sistema de Justiça [...] e, por consequência, o princípio constitucional da separação dos Poderes, o que justifica seu arquivamento", diz o parecer da PGR.

     

    Fonte - Assessoria

    Fotográfo - Divulgação

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08