• Universidade Unopar Polo Ji-Paraná
  • Viva Bela Cosméticos
  • Chácara da Sefin
  •  INSIDE
  • Materjipa Materiais para Construção
  • Reveillon do Vera
  • Faculdade UNIJIPA
  • Ouro Preto: Administração investe no "turismo" e abandona potencial agrícola

    A administração municipal de Ouro Preto do Oeste vem focando seus esforços no "turismo" como forma de fortalecer a economia local e literalmente ignora o setor agrícola que...

    Política
    3 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 07/01/2016 ÀS 13:05:30

    Ouro Preto: Administração investe no

    A administração municipal de Ouro Preto do Oeste vem focando seus esforços no "turismo" como forma de fortalecer a economia local e literalmente ignora o setor agrícola que em grande parte é o verdadeiro responsável em fomentar o comércio da cidade.

    Um município que já foi considerado a bacia leiteira de Rondônia, além de um dos maiores produtores de café e cacau do Estado, infelizmente nunca teve a sua frente uma administração que valorizasse e incentivasse o produtor rural, e infelizmente o atual prefeito não foge a regra.

    Mesmo sabendo que grande parte dos clientes dos diversos ramos de atividade comercial (mercados, lojas de eletrodomésticos e móveis, confecções, farmácias, restaurantes, taxi-cidade e até mesmo moto-taxi) é constituído de produtores rurais a administração não demonstra qualquer interesse em fortalecer o setor agrícola.

    O dia do pagamento do leite que é realizado sempre entre os dias 20 e 25 de cada mês é um dos exemplos da importância do homem do campo para a economia local, onde os comércios da cidade aumentam significativamente suas vendas. Além das compras realizadas em outras datas por essa clientela.

    Sem secretária

    Sabendo do potencial do setor agrícola de Ouro Preto do Oeste, o município por incrível que pareça não possui um secretário de agricultura, existindo apenas um departamento subordinado à Secretaria Municipal de Infraestrutura e Agricultura (Seminfra) e que essa pasta sequer possui dados ou mesmo estatísticas referentes ao setor agrícola, ficando a administração dependente de informações de órgãos estaduais, a exemplo da Emater e Idaron.

    Por falta de uma secretária de agricultura o município recentemente deixou de receber uma tonelada de calcário agrícola (minério utilizado para corrigir a acidez do solo e fornece cálcio e magnésio indispensáveis para a nutrição das plantas). Essa perca não significa nada em relação ao que os produtores rurais já deixaram de ser beneficiados através de emendas estaduais e federais pelo simples fato de não haver uma secretaria de agricultura em Ouro Preto do Oeste.

    As associações rurais que conseguem adquirir implementos ou maquinários agrícolas são poucas e em muitos dos casos as que são beneficiadas o conseguem devido ao apadrinhamento politico, situação que deixaria de existir caso tais implementos e maquinários fossem destinados a uma secretaria de agricultura, pois neste caso passaria a atender as mais de 26 associações filiadas ao Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural (CMDR).

    De acordo com o presidente do CMDR, Edio Fernandes da Silva as associações rurais de Ouro Preto do Oeste nunca receberam nenhum tipo benefício da prefeitura do município, a não ser pontes, bueiros, e estradas que em muitos dos casos são mal feitos. Edis informou que os implementos e maquinários recebidos foram dos governos estadual e federal.

    Administração municipal

    Ao questionar o chefe de gabinete da prefeitura de Ouro Preto do Oeste, Moisaniel Pereira, se a administração teria previsão para a criação da secretaria de agricultura, nos foi informado de que não esta prevista em razão do município não possuir condições financeiras e de que não estaria no orçamento de 2016.

    Falta de vontade política

    O argumento utilizado pelo chefe de gabinete torna-se questionável, uma vez que recentemente a Câmara Municipal de Vereadores Ouro Preto do Oeste aprovou a criação da Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Esportes (SEMTUR). O que levanta a hipótese de que tanto a atual administração quanto os demais prefeitos que já ficaram no comando do município de Ouro Preto do Oeste não tem e nunca tiveram vontade política de ver o crescimento e desenvolvimento do setor agrícola.

     

    Fonte - Gazeta Central

    Fotográfo - Divulgação

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08