• Materjipa Materiais para Construção
  • Brasa Espetaria
  • Espetaria Casa Preta
  • Viva Bela Cosméticos
  • Universidade Unopar Polo Ji-Paraná
  • AABB-JIPA - Associação Atlética Banco do Brasil
  • Faculdade UNIJIPA
  • Marcos Rogério cobra providências urgentes para Aeroporto de Ji-Paraná

     Evitar a suspensão de voos e prejuízos econômicos à região Central do Estado é o que propõe o deputado Federal Marcos (PDT) com a cobrança ...

    Política
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 01/09/2015 ÀS 17:01:48

    Marcos Rogério cobra providências urgentes  para Aeroporto de Ji-Paraná

     Evitar a suspensão de voos e prejuízos econômicos à região Central do Estado é o que propõe o deputado Federal Marcos (PDT) com a cobrança de providências em caráter de urgência ao Aeroporto José Coleto para evitar embargos, como o fechamento pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Providências, que já foram cobradas e reiteradas pelo parlamentar há mais de 40 dias.


    Para não comprometer as operações no Aeroporto são necessários 16 funcionários de acordo exigências da Anac, com cursos e treinamentos de Instrução em Segurança da Aviação Civil Contra Atos de Interferência Ilícita (AVSEC) para vigilantes; Familiarização AVSEC para outros funcionários (zeladores, manutenção); Básico AVSEC; Operador de raio-x; Supervisor AVSEC e Gerente AVSEC. Todos os profissionais estavam com os cursos vencidos.


    Outras irregularidades também foram constatadas, a exemplo da atualização de Gestores de Segurança Operacional (GSO) e administrador de pequenos aeroportos. Todos já expiraram o prazo com risco de impedimento de voos no Aeroporto


    “A Azul Linhas Aéreas, que recebeu o incentivo fiscal novamente, já me confirmou o interesse de retomar os voos com jatos em Ji-Paraná, porém, o aeroporto não tem condições para receber. Por isso da cobrança de urgência nas providências”, ressaltou Marcos Rogério,deputado Federal.


                Marcos lamenta, que além da leniência nas providências, situações como a suspensão da estação de Rádio, por exemplo, que ocorreu devido a três operadores estarem com seus exames de saúde vencidos. Nesse caso o Departamento de Estradas e Rodagem (DER) gestor do Aeroporto já encaminhou todos para revalidar os exames.


    “Quanto ao raio-x o diretor do DER, Lioberto Caetano me disse que já foi comprado e só falta à empresa entregar. Acredito que em um curto espaço de tempo já estará funcionando. Não podemos ficar com o aeroporto como está sem condições para receber o voo jato de volta e correndo o risco de fechamento, isso é inaceitável", declarou Marcos


     


    José Coleto


     


    Nos últimos 30 anos pelo menos 10 companhias aéreas suspenderam voos, em Ji-Paraná. O motivo alegado por elas inclui a ausência de investimentos em infraestrutura aeroportuária, corte na isenção do ICMS para o querosene, falência e queda no volume de embarques. Ji-Paraná já esteve na rota de grandes companhias: a Cruiser, Oceaner, TAM, Avianca, Varig, Passaredo, Azul


     

     

    Fonte - Assessoria

    Fotográfo - Divulgação

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08