• Odontologia Drº  Thiago Ribeiro
  • Viva Bela Cosméticos
  • AABB-JIPA - Associação Atlética Banco do Brasil
  • CASA DE ALTO PADRÃO A VENDA EM JI-PARANÁ
  • Supermercado Irmãos Gonçalves
  • Materjipa Materiais para Construção
  • Instituto de Olhos Caius Prieto Ji-Parana
  • Mercadão dos Óculos
  • Ana
  • Governo irá demitir servidores públicos que fraudaram auxílio emergencial

    Política
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 16/07/2020 ÀS 00:10:09

    Governo irá demitir servidores públicos que fraudaram auxílio emergencial

    De acordo com o ministro Wagner Rosário, o governo irá demitir os servidores públicos que fraudaram para receber o auxílio emergencial de R$ 600. A Controladoria-Geral da União (CGU) registrou 396.316 servidores municipais, estaduais e federais que receberam o benefício indevidamente.

    Apesar do grande número de pagamentos indevidos entre servidores, nem todos podem ser de fraudes. A demissão ocorrerá para aquelas que fraudaram para o recebimento e poupará quem teve os dados utilizados por golpistas. Já os que comprovadamente fraudaram, além de serem demitidos, irão responder por crimes como falsidade ideológica e peculato.

    Dos quase 400 mil de pagamentos indevidos para servidores públicos, 17.551 foram feitos para militares da União. Além disso, os quase 400 mil de pagamentos indevidos totalizam R$ 280 milhões de gasto.

    Ainda, do total, 7.236 são servidores federais. O restante, 371.529, são dos estados, municípios e Distrito Federal. Wagner Rosário, ministro-chefe da Controladoria-Geral da União, afirma que há como identificar os servidores que cometeram fraude.

    Os casos de servidores públicos que receberam o auxílio emergencial representam um total de 0,45% entre os beneficiários. Ao todo, o auxílio emergencial foi pago para mais de 65,2 milhões de pessoas desde abril. O benefício não pode ser pago para agentes públicos, mesmo que temporários.


     

    Fonte - Das Agencias

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08