• Faculdade UNIJIPA
  • Chácara da Sefin
  • Reveillon do Vera
  • Materjipa Materiais para Construção
  •  INSIDE
  • Viva Bela Cosméticos
  • Universidade Unopar Polo Ji-Paraná
  • Bolsonaro sai do PSL oficialmente e Marcos Rocha anuncia que ficará ao lado do presidente onde ele estive

    Política
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 20/11/2019 ÀS 15:58:03

    Bolsonaro sai do PSL oficialmente e Marcos Rocha anuncia que ficará ao lado do presidente onde ele estive

     DIVÓRCIO FOI LITIGIOSO

    Fim do casamento. Ele foi muito curto. Começou em meados do ano passado, quando o então candidato procurava uma sigla nanica para abrigá-lo. Terminou nesta terça-feira, de forma litigiosa, quando o presidente Jair Bolsonaro enviou à Justiça Eleitoral um comunicado: de que não mais faz parte do partido. Já  nesta quinta, dia 21, ele deve anunciar oficialmente a criação de uma nova sigla partidária. A Aliança para o Brasil será comandada pelo próprio Bolsonaro e certamente seus filhos, que vão ditar as regras e os rumos do novo partido que surge no país, um entre as dezenas que existem ou que estão na fila para tentarem obter registro. Não se sabe ainda quantos deputados chamados de bolsonaristas o acompanharão, porque a legislação, a princípio, proíbe a troca de partidos, já que o mandato é considerado da sigla, não de quem o ocupa. Há, contudo, casos especiais em que o parlamentar pode abandonar seu partido e ingressar em outro. Cada caso é um caso e só depois de uma análise profunda dessa situação é que os seguidores do Presidente da República vão oficializar ou não a saída do PSL. Que, obviamente, volta a ser apenas um partido nanico, como sempre foi, com exceção do período em que abrigou Bolsonaro.

    GOVERNADOR FICA ONDE BOLSONARO ESTIVER

    Os rondonienses que se elegeram na esteira do sucesso  de Bolsonaro, incluindo-se aí o próprio governador Marcos Rocha, seu parceiro de primeira hora, vão aguardar alguns dias antes de anunciar se ficam onde estão ou se migram para o Aliança.O Coronel Governador vai para onde Bolsonaro for e optará pela situação de maior conveniência, para manter todo o apoio ao Presidente. O único deputado federal pelo PSL, Coronel Chrisóstomo, que em Rondônia está em rota de colisão com o Governador, relatou, via assessoria, que foi convidado por Bolsonaro para presidir o novo partido em Rondônia. O empresário Jaime Bagatoli, liderança forte do Cone Sul, provável candidato à prefeitura de Vilhena, também deve decidir o que vai fazer em breve. Mas não há qualquer outra opção que não a de ficar ao lado do seu guru, o hoje Presidente da República. Nas próximas semanas se saberá, com mais clareza, como ficará a questão em Rondônia e quem ficará ao lado de quem, aqui no Estado.  


     

    Fonte - Rondoniadinamica

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08