“Raupp tem sido bandido e descarado em relação à minha pessoa”, diz Confúcio

Política
2 minutos de leitura

Paulo Portaljipa EM 15/07/2018 ÀS 21:03:32

“Raupp tem sido bandido e descarado em relação à minha pessoa”, diz ConfúcioAs relações entre o ex-governador Confúcio Moura e o grupo do senador Valdir Raupp, ambos do MDB, azedaram de vez nos últimos dias. Quatro áudios gravados por Confúcio, encaminhados a uma mulher a quem ele chama de “Lena”, o ex-governador afirma estar sendo vítima de “um golpe” que estaria sendo orquestrado pelo senador Valdir Raupp e pela deputada federal Marinha Raupp, com a ajuda de Tomás Correia, secretário-geral do partido em Rondônia e suplente de Raupp no Senado.

Confúcio se refere ao fato da legenda não querer disponbilizar para ele, uma oportunida de disputar o senado. De acordo com Confúcio, “Raupp tem sido bandido e descarado em relação à minha pessoa”.

Em 2017, por diversas vezes Confúcio Moura afirmou que ao senador que não seria candidato nas eleições deste ano, mas em fevereiro ele mudou de idéia e resolveu lançar sua candidatura, mesmo sabendo que as possibilidades do MDB eleger dois senadores é remota.
De acordo com Confúcio, Tomás Correia e Valdir Raupp teriam ido à sua casa “pedir para que ele fosse candidato”. PAINEL POLÍTICO conversou com o senador ainda em dezembro de 2017 e na ocasião Raupp estava confiante que Confúcio cumpriria sua palavra e concluiria o mandato de governador. Raupp sentiu-se traído com o anúncio da pré-candidatura de Confúcio.

Rondoniagora procurou o senador Raupp para ouvi-lo, mas ele não retornou as ligações da redação.


 

Fonte - PAINEL POLÍTICO

 
 
 
 
 
Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08