• Materjipa Materiais para Construção
  • Q FOME
  • Odontologia Drº  Thiago Ribeiro
  • Viva Bela Cosméticos
  • AABB-JIPA - Associação Atlética Banco do Brasil
  • Supermercado Irmãos Gonçalves
  • Vídeo: Dois são presos em flagrante com pornografia infantil em Rondônia, durante operação

    Policial
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 18/05/2018 ÀS 07:42:19

    Vídeo: Dois são presos em flagrante com pornografia infantil em Rondônia, durante operação

       Duas pessoas foram presas em flagrante no interior de Rondônia, na manhã desta quinta-feira (17), durante a Operação Luz na Infância, deflagrada em 24 estados do país para combater a pornografia infantil. Em coletiva de imprensa, as delegadas da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA), Márcia Gazoni e Janaína Xander, passaram detalhes do trabalho realizado.

    Conforme a delegada Márcia Gazoni, “os suspeitos baixam os arquivos da internet através de programas que são usados somente para baixar materiais de pedofilia e no mesmo momento que eles estão baixando esses arquivos para assistir os programas também transmitem o compartilhamento. Nos flagrantes durante a operação, foram encontrados arquivos de pedofilia na máquina dos suspeitos”.

    A operação acontece em 24 estados do país onde foram cumpridos mais de 500 mandados de busca e apreensão. “Nós estávamos buscando material pornográfico de menores tratando-se do crime de pedofilia. Na capital, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão onde foram encaminhados para a delegacia alguns aparelhos eletrônicos. Tudo que foi apreendido hoje será encaminhado para o laboratório da perícia já que muitos arquivos foram apagados pelos suspeitos”, explicou a delegada adjunta da DPCA, Janaína Xander. 

    A delegada adjunta esclarece que não houve mandados de prisão para serem cumpridos porque, primeiro é necessário a apreensão das máquinas onde estão armazenados os arquivos de pedofilia, o que comprova o crime. “O primeiro passo é buscar a materialidade que é feito com o mandado de busca e apreensão. Localizou nas máquinas o material, imediatamente é lavrado o flagrante para responsabilizar a pessoa”, esclareceu. 

    Ainda conforme as delegadas, o monitoramento em Brasília desses arquivos é constante e após ter um levantamento significativo de alvos eles são repassados para todos os estados. 

    “A gente faz um alerta para a população que qualquer cena, vídeos, imagens envolvendo crianças e adolescente é crime. Se a pessoa recebeu imagem no celular o correto é denunciar para a polícia e não compartilhar porque isso também é crime”, alertou a delegada Márcia.

     
     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08