• Odontologia Drº  Thiago Ribeiro
  • AABB-JIPA - Associação Atlética Banco do Brasil
  • Materjipa Materiais para Construção
  • Supermercado Irmãos Gonçalves
  • Viva Bela Cosméticos
  • Q FOME
  • Operação Lei Seca prende 14 pessoas na madrugada, em Porto Velho, RO

    Quatorze pessoas foram detidas na madrugada deste domingo (20), durante operação da Lei Seca em Porto Velho. A última prisão por embriaguez ao volante, registrado dura...

    Policial
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 20/12/2015 ÀS 19:02:01

    Operação Lei Seca prende 14 pessoas na madrugada, em Porto Velho, RO

    Quatorze pessoas foram detidas na madrugada deste domingo (20), durante operação da Lei Seca em Porto Velho. A última prisão por embriaguez ao volante, registrado durante a operação, aconteceu já na manhã do domingo, por volta das 5h30. Um homem de 49 anos teria ignorado o sinal vermelho, no cruzamento das avenidas Rio de Janeiro e Mamoré, Zona Leste, e acabou abordado pela Polícia Militar, que constatou o estado de embriaguez do suspeito.


    Em boletim de ocorrência, a polícia conta que havia uma viatura da polícia parada ao lado do carro do cidadão, aguardando o sinal ficar verde, o homem ignorou a presença da PM e atravessou com o sinal vermelho. Os policiais fizeram abordagem e submeteram o condutor ao teste de etilômetro(bafômetro), que, segundo registro policial, deu 0,7 miligrama de álcool por litro de ar expelido, duas vezes acima do tolerado, que é 0,34 mg/l.


    Minutos antes, numa blitz realizada na Avenida Amazonas, no bairro Nova Porto Velho, uma mulher de 29 anos foi detida e encaminhada à Central de Polícia, também por embriaguez ao volante. Além de visível estado de embriaguez, segundo a polícia, a mulher conduzia um veículo cuja documentação estava vencida e os pneus estavam carecas.


    Quando percebeu a blitz, a mulher teria parado alguns metros antes, mas foi abordada mesmo assim. Ela não se submeteu ao teste do bafômetro, mas os policiais constataram o estado de embriaguez e fizeram termo de constatação. A mulher ainda alegou que havia bebido no dia anterior, mas acabou detida.


    Um jovem de 19 anos também acabou preso na mesma blitz. Ele pilotava uma motocicleta e, além de ter constatado a embriaguez, estava com CNH vencida. Detido, ele foi encaminhado à Central de Polícia.


    Lei Seca
    É considerado crime quando o motorista é flagrado conduzindo veículos com índice de álcool no sangue superior a 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.


    A pena de detenção pode variar de 6 meses a 3 anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação. O Código de Trânsito Brasileiro estabelece multa de R$ 1.915,40, além de 7 pontos na carteira. Os condutores também têm a CNH apreendida. Se o motorista tiver cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores, o valor da multa é dobrado.

     

    Fonte - G1/RO

    Fotográfo - Divulgação

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08