• Reveillon do Vera
  • Chácara da Sefin
  • Universidade Unopar Polo Ji-Paraná
  • Viva Bela Cosméticos
  • Zoo Fest
  • Auto Escola Norte
  • Materjipa Materiais para Construção
  • Faculdade UNIJIPA
  • Jovem estupra e tortura 3 irmãs e ameaça mãe caso chame polícia

    Policial
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 25/08/2019 ÀS 18:00:10

    Jovem estupra e tortura 3 irmãs e ameaça mãe caso chame polícia

    Antonio Almerindo Silva Amorim, 22 anos, foi preso na noite de quarta-feira (21), suspeito de abusar sexualmente de suas três irmãs biológicas – todas menores de idade – em Vila Rica (a 1.259 km de Cuiabá). Os abusos ocorriam na casa onde a família mora na zona rural do município.

    Antonio teve a ordem de prisão preventiva expedida pela Comarca de Vila Rica, pelo crime de estupro de vulnerável, praticado contra três irmãs, T.S.A., 14, N.S.A., 12 e J.S.A., 6 anos.

    Segundo a Polícia Civil, as investigações iniciaram no mês de junho deste ano, após a adolescente T.S.A. de 14 anos procurar a polícia alegando ter sido vítima de maus tratos e abuso sexual pelo irmão no final do ano de 2018.

    Durante as investigações, as outras duas irmãs do suspeito, N.S.A. 12 anos e J.S.A. 6 anos, revelaram para uma professora da escola, que também eram violentadas pelo irmão. Antonio era violento com as meninas e começou colocando o dedo nas genitálias, com os dias, consumando o ato. As crianças realizaram exame de corpo de delito, ficando constatado em todas os abusos sexuais.

    O delegado de José Getúlio Daniel alerta sobre a importância da família estar sempre atenta ao comportamento das crianças, tendo em vista que muitas vezes, esse tipo de crime é cometido dentro do seio familiar, por parentes ou pessoas próximas.

    “Nesse caso, o abusador foi extremamente cruel, pois além da violência sexual contra as próprias irmãs, ele ameaçava de morte as meninas e a mãe caso, alguma delas falassem algo. O suspeito vigiava para que as meninas não ficassem sozinhas com a mãe. Além de abuso sexual existia também tortura psicológica”, lamentou o delegado.

    Diante da gravidade dos fatos, o delegado de Vila Rica, José Getúlio Daniel, representou pelo pedido de prisão preventiva de Antonio Almerinda, sendo na quarta-feira (21), realizada a audiência de “depoimento especial” das vítimas, as quais confirmaram os abusos que vinham sofrendo já há certo tempo.

    Após cumprimento do mandado de prisão, o suspeito foi conduzido para Delegacia de Polícia de Vila Rica para providências cabíveis, e posteriormente levado para Cadeia Pública da cidade, ficando à disposição da Justiça.


     

    Fonte - O Bom da Notícia

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08