Portaljipa
  •  
  •  

Grupo de 200 pessoas invade PM, resgata motos apreendidas e ameaça incendiar base em RO

Armados com revólver e coquetel molotov, invasores exigiram fim de fiscalização em área de proteção ambiental. Policiais foram intimidados por pistoleiros.

Policial

POR Paulo Portaljipa EM 22/01/2019 ÀS 16:37:37

Grupo de 200 pessoas invade PM, resgata motos apreendidas e ameaça incendiar base em RO

Mais de 200 pessoas em motocicletas, incluindo mulheres e crianças, invadiram uma base da Polícia Militar Ambiental (PMA), resgataram duas motos que estavam apreendidas e ameaçaram queimar o posto policial no começo desta semana em Guajará-Mirim (RO), fronteira com a Bolívia. Sete pessoas foram identificadas pela PM, mas até esta terça-feira (22) não houve prisões.

Segundo a PM, os invasores são pessoas que vivem e exploram ilegalmente terras localizadas na Estrada Parque, uma área de preservação ambiental.

No momento da invasão à base da polícia, a maioria dos suspeitos estava armada com revólveres e coquetéis molotov. Pessoas com espingardas e outras armas de fogo também ficaram posicionadas dentro do mato, a fim de impedir qualquer reação da polícia.

Invasores também danificaram o portão usado no controle de tráfego na Estrada Parque — Foto: Divulgação/PMInvasores também danificaram o portão usado no controle de tráfego na Estrada Parque — Foto: Divulgação/PMInvasores também danificaram o portão usado no controle de tráfego na Estrada Parque — Foto: Divulgação/PM

Além de requerer os veículos apreendidos, os invasores exigiram o fim da fiscalização da polícia na região, sob ameaça de incendiar o posto policial. O portão que bloqueia a estrada, para controlar o tráfego durante a noite foi destruído.

Pneus de duas viaturas também foram cortados. Um dos responsáveis pelos danos foi identificado. Ele e outros seis suspeitos foram indiciados por dificultar ou obstar fiscalização, incitação ao crime e associação criminosa.

Como os militares disseram que não poderiam decidir pelo fim da fiscalização, os invasores exigiram uma reunião com algum representante do Governo. Depois que recuperar as motos apreendidas e danificar veículos e o portão de bloqueio da estrada, o grupo fugiu, informando que a região estava cercada por pessoas em carros, para uma fuga em massa, caso houvesse confronto com a PM.

Em resposta, a Coordenadoria de Unidade de Conservação do Governo divulgou nota nas redes sociais informando que o Estado de Rondônia tem o dever de proteger as Unidades de Conservação e que assim o fará.

Segundo a nota, equipes policiais e apoio aéreo já foram mobilizados e estão a caminho do Parque.

 

Fonte - G1/]RO

 
 
 
 
 
 
Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08
  •  
  •  
  • Portaljipa