• Supermercado Irmãos Gonçalves
  • Instituto de Olhos Caius Prieto Ji-Parana
  • Governo de Rondonia
  • Viva Bela Cosméticos
  • AABB-JIPA - Associação Atlética Banco do Brasil
  • GIRO RAPIDO LAVA JATO
  • Materjipa Materiais para Construção
  • Nova Car
  • CASA DE ALTO PADRÃO A VENDA EM JI-PARANÁ
  • Odontologia Drº  Thiago Ribeiro
  • Garçom perde R$ 2 mil ao cair no golpe do falso prêmio em Vilhena

    Policial
    2 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 01/04/2018 ÀS 13:21:20

    Garçom perde R$ 2 mil ao cair no golpe do falso prêmio em Vilhena

    Um garçom de 23 anos perdeu R$ 2 mil após cair no golpe do falso prêmio, em Vilhena (RO), na região do Cone Sul. O caso foi registrado na delegacia de Polícia Civil na sexta-feira (30) como estelionato. De acordo com o relato do jovem, um homem ligou e disse que ele havia ganhado R$ 10 mil na promoção de uma empresa de telefonia móvel.

    O jovem disse aos policiais que o estelionatário se identificou como funcionário da empresa de telefonia e falou sobre o prêmio. Contudo, para que o valor fosse depositado na conta do garçom, ele precisava fazer uma transferência de R$ 2 mil.

    A vítima contou à polícia que efetuou três transferências e só depois das transações percebeu que havia caído em um golpe. O garçom ainda relatou que passou os dados pessoais para o golpista. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

    Casos recorrentes

    Casos de golpes têm sido recorrentes na região do Cone Sul de Rondônia. Em fevereiro do ano passado, uma estudante de 19 anos perdeu R$ 830, após cair no mesmo golpe. No mesmo mês, uma empresária de 55 anos perdeu R$ 20 mil ao cair no golpe da nota promissória.

    Em setembro de 2017, um gerente de empresa perdeu quase R$ 18 mil no golpe da lista telefônica. Em janeiro desse ano, uma idosa de 71 anos foi vítima golpe do "carro quebrado" em Vilhena e perdeu R$ 1,5 mil ao depositar o dinheiro para o conserto do carro de um suposto sobrinho.

    No mesmo mês, um homem de 39 anos perdeu mais de R$ 9 mil no golpe do “sonho americano”, em Vilhena. Segundo a vítima, o estelionatário prometeu visto de trabalho para os Estados Unidos, mas no dia do embarque não apareceu.

     

    Fonte - G1/]RO

     
     
     
     
     
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08