• Mercadão dos Óculos
  • Materjipa Materiais para Construção
  • CASA DE ALTO PADRÃO A VENDA EM JI-PARANÁ
  • Odontologia Drº  Thiago Ribeiro
  • Instituto de Olhos Caius Prieto Ji-Parana
  • Q FOME
  • AABB-JIPA - Associação Atlética Banco do Brasil
  • Supermercado Irmãos Gonçalves
  • Viva Bela Cosméticos
  • Investigados por fake news reagem à corte e miram Alexandre de Moraes

    Judiciário
    5 minutos de leitura

    Paulo Portaljipa EM 27/05/2020 ÀS 18:53:56

    Investigados por fake news reagem à corte e miram Alexandre de Moraes

    RASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Investigados por espalhar notícias falsas, atacar e ameaçar ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), os alvos da operação desta quarta (27) voltaram à carga contra a corte e o relator do inquérito das fake news, Alexandre de Moraes.

    Após a Polícia Federal chegar aos seus endereços, os militantes criticaram duramente e até xingaram o ministro nas redes sociais. No Twitter, a ativista Sara Winter atacou Moraes.

    'A Polícia Federal acaba de sair da minha casa. Bateram aqui às 6h da manhã, a mando do Alexandre de Moraes. Levaram meu celular e notebook. Estou praticamente incomunicável! Moraes, seu covarde, você não vai me calar!', escreveu.

    A Polícia Federal acaba de sair da minha casa. Bateram aqui às 6h da manhã a mando do Alexandre de Moraes. Levaram meu celular e notebook. Estou praticamente incomunicável! Moraes, seu covarde, você não vai me calar!!

    Ver imagem no Twitter
    19 mil pessoas estão falando sobre isso

    'Meus advogados já chegaram, vamos pra cima! O Brasil não será uma ditadura. Hoje, Alexandre de Moraes comprovou que está a serviço de uma ditadura do Judiciário', prosseguiu.

    Meus advogados já chegaram, vamos pra cima! O Brasil não será uma ditadura. Hoje, Alexandre de Moraes comprovou que está a serviço de uma ditadura do judiciário.

    11,2 mil pessoas estão falando sobre isso

    Estou aguardando o mandado de busca e apreensão na casa da Dilma, Lula, Stédile, Boulos, Manuella D'ávilla, José Dirceu, Felipe Neto e demais militantes e políticos de esquerda. Ou só vale pra um lado?

    8.983 pessoas estão falando sobre isso

    Mais tarde, em vídeo, Sara elevou o tom em mensagem direcionada a Moraes e disse que não será calada. 'Juro por Deus, essa era minha vontade. Eu queria trocar soco com esse filho da p* desse arrombado. Infelizmente, não posso.'

    A ativista ainda lamenta não estar na mesma cidade em que o ministro. 'Pena que ele mora em São Paulo. Se ele estivesse aqui, eu estava lá na porta da casa dele, convidando ele para trocar soco comigo.'Ela fala que Moraes nunca mais encontrará paz na vida, depois de ter tomado o que ela classificou como 'a pior decisão da vida' do magistrado

    'Você me aguarde, Alexandre de Moraes. O senhor nunca mais vai ter paz na vida do senhor. A gente vai infernizar a tua vida.'

    A bolsonarista completa: 'A gente vai descobrir os lugares que o senhor frequenta. A gente vai descobrir quem são as empregadas domésticas que trabalham para o senhor. A gente vai descobrir tudo da sua vida, até o senhor pedir para sair'.

    O humorista Rey Bianchi gravou um vídeo, no qual também reclamou do ministro. Em referência a ele, declarou: 'A vida de quem que será que tem de ser investigada? Eu não fui advogado do PCC'.

    Ele mostrou a mulher chorando, em meio à ação de busca em sua casa, ameaçou processar o STF e questionou o porquê da investida contra um humorista.

    'Isso é ridículo, não tenho medo de nada, não! Sou cidadão, pago meus impostos. Se me prender, vai ser a minha honra. Não devo nada a ninguém.'

    Outro alvo, Enzo Leonardo Momento, que se intitula youtuber, analista político e 'jornalista amador', publicou o mandado de busca e apreensão no Twitter e xingou Moraes.

    'Hey, Alexandre de Moraes, você não passa de um mafioso filho de uma p. Fake news foi sua mãe uma vez dizer que você era bonito, seu arrombado desrespeitoso de uma merda. Que fique para a história: esse homem aqui não se ajoelhou para um ministro corrupto!', afirmou.

    O empresário Luciano Hang, dono da Havan, negou que tenha produzido notícias falsas sobre os ministros do STF.

    Hang se manifestou por meio de uma live no Facebook. Durante sua transmissão, defendeu-se que suas postagens não são 'fake news' e que se tratam de sua visão pessoal.

    'Temos que poder usar nossa voz, a liberdade de expressão e de pensamento. As pessoas, do outro lado, podem escolher entre uma versão e outra dos fatos. Temos os fatos e várias versões. Sempre tento levar aos brasileiros o meu pensamento, a minha versão dos fatos.'

    O empresário disse ainda que seu celular e computador irão provar que 'jamais produziu notícias falsas'.Em uma live logo após a operação, o blogueiro Allan dos Santos disse que nunca produziu notícias falsas em seu canal. 'Vai ser patético pra suprema corte inteira porque eles vão revirar todos os nossos documentos do Terça Livre e vão ver que vivemos dos produtos que a gente vende.'

    Ele afirmou ainda que o seu canal não recebe dinheiro público 'como a maioria da imprensa' e que eles vivem da venda de produtos. Disse que já havia sido intimado pelo STF, mas não compareceu por não ter acesso aos autos e que vai continuar 'denunciando a inconstitucionalidade deste inquérito'.

    Sempre prezei pela transparência. Não tenho nada a esconder. Tudo o que penso e falo é exatamente o que compartilho com vocês nas minhas redes sociais. Confira o vídeo completo: https://tinyurl.com/yal2ezla 

    Vídeo incorporado
    Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
    Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08