Portaljipa
  •  
  •  
  •  

Chuvas mantêm nível do Rio Machado

A última menor marca do Rio Machado aconteceu em 23 de setembro de 1.998

Geral

POR Paulo Portaljipa EM 16/10/2017 ÀS 05:08:03

Chuvas mantêm nível do Rio Machado

Apesar das últimas chuvas terem contribuído para manter o nível do Rio Machado, acima do limite mínino exigido (6,28cm), a preocupação com uma baixa repentinamente ainda é grande. Disse esta semana o responsável pela medição para a Agência Nacional de Águas (ANA), Lucenir Sardanha.  A semana começou com a régua de medição marcando na primeira hora da madrugada de segunda-feira (9), 6,58cm, ou seja, 30cm acima do nível mínimo de navegação, considerada perigosa, principalmente, no período da noite.

Durante todo o primeiro dia da semana, o nível de manteve estável, com pequena diminuição chegando cai 5cm na passagem de segunda para terça-feira (11). As 18h a régua marcou 6,58cm e às 22h, 6,57cm. Segundo Lucenir Sardanha, pela a experiência dos últimos 14 anos, é possível prever que o nível do Machado  ainda possa registrar oscilação até o começo do período das fortes chuvas, previstas para acontecer entre os meses de dezembro até meados de março. “Acredito que o tempo ‘pesado’ não demorará ocorrer como aconteceu no último ano”, disse Sardanha. Ele ainda lembrou que a última menor marca do Rio Machado aconteceu em 23 de setembro de 1.998 quando o nível registro 6,09cm. Já em 2001, o Machado marcou uma de suas maiores cheias quando o nível da água passou dos 11,20cm.

Colônia

Para o presidente da Colônia dos Pescadores Z-9, Manuel Dantas apesar as últimas chuvas, ainda existe risco do nível do rio baixar bastante. Segundo ele, independente do tempo, a atenção na navegação no Machado, principalmente no percurso dentro do perímetro urbano, deve ser redobrada. Ele também lembrou que nesse período de estiagem, a pesca nesse também fica prejudicada. “Os peixes no período da seca, ficam mais no fundo, complicando ainda mais o trabalho do pescador, e é claro, o rendimento financeiro para o sustento de sua família”, afirmou.

Bombeiros

No último mês, o comandante do 2º Grupamento de Bombeiros Militar (GBM), tenente Dos Santos já havia comentado sobre a situação do nível do Rio Machado, não só em relação na região de Ji-Paraná, mais também em outros pontos do Estado. Ele acertou para o perigo da navegação com embarcações, em decorrência do aparecimento de pedras. Esta semana, ele voltou falar sobre as últimas chuvas, e novamente alertou. “Somente com a chegada do inverno amazônico  é que teremos uma navegação segura” garantiu.


 

Fonte - Diário da Amazônia

 
 
 
 
 
 
Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08
  •  
  •  
  • Portaljipa