Objetos encontrados na cadeia de Alta Floresta podem fazer parte de plano de fuga em massa

  A apreensão de objetos destinados à tentativa de fuga vem sendo evento constante na Cadeia Pública de Alta Floresta, que possui atualmente 64 detentos. Por volta das 9 hor...

Agronegócios
2 minutos de leitura

Paulo Portaljipa EM 14/08/2015 ÀS 16:26:54

Objetos encontrados na cadeia de Alta Floresta podem fazer parte de plano de fuga em massa

 



A apreensão de objetos destinados à tentativa de fuga vem sendo evento constante na Cadeia Pública de Alta Floresta, que possui atualmente 64 detentos. Por volta das 9 horas desta sexta-feira (14/08), os agentes penitenciários lotados na unidade frustraram mais plano de fuga durante revista realizada nas celas.




Numa vistoria minuciosa, os servidores encontraram uma serra no interior de um ventilador.  O objeto estava enrolado com esparadrapo e papel higiênico. Segundo o diretor de Segurança da Unidade, Evando Scatolin, a serra provavelmente estava escondida há vários dias, e que pode fazer parte de plano de fuga em massa.




“Outra serra, com cerca de 20 cm, foi encontrada na semana passada, dentro de um parelho DVD. E nessas revistas, que são realizadas em uma rotina contínua, também encontramos vários chuchos* escondidos em locais quase inimagináveis”, relatou Scatolin ainda destacando que “os planos de fuga vêm sendo frustrados através de um trabalho de revista eficiente”.




*Chucho é uma arma de ferro, artesanal, produzida pelos presos, normalmente a partir de um eixo de ventilador, sendo utilizada para perfurar paredes e para tirar a vida, como já aconteceu durante as sangrentas rebeliões registradas no Estado de Rondônia.




O Sindicato dos Agentes Penitenciários e Sócio Educadores de Rondônia (SINGEPERON) parabenizou as ações  de seguranças empreendidas na unidade prisional de Alta Floresta, por parte dos servidores, e destacou o bom trabalho do diretor Geral Luciano Vendelino e do diretor de Segurança Evando Scatolin.




“Mesmo com as condições de trabalho desfavoráveis, pondo a vida em risco durante essas revistas humanizadas, por falta de equipamentos de segurança necessários, os agentes penitenciários de Rondônia têm sido verdadeiros heróis, mantendo a ordem entre muros e trabalhando pelo bem da sociedade”, enalteceu o presidente do SINGEPERON, Anderson Pereira, que também é diretor da Federação Nacional dos Servidores Penitenciários (FENASPEN).



-- 




Lucas Tatuí Libarino - Jornalista 



 

Fonte - Assessoria

Fotográfo - Divulgação

 
 
 
 
 
Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08