Portaljipa
  •  
  •  
  •  

Inhame de Rondônia desperta interesse de exportadora para comercialização na América do Norte

Considerada a maior produtora de inhame do Estado de Rondônia, a região do Vale do Guaporé conquista novos mercados para exportação da produção local. A...

Agronegócios

POR Paulo Portaljipa EM 30/03/2017 ÀS 17:10:55

Inhame de Rondônia desperta interesse de exportadora para comercialização na América do Norte

Considerada a maior produtora de inhame do Estado de Rondônia, a região do Vale do Guaporé conquista novos mercados para exportação da produção local. A visita realizada à região pela empresa exportadora Atlântica Comércio de Grãos, sediada no Estado do Espírito Santo, trouxe grandes perspectivas para o comércio direto com outros países e a certeza de que investir na cultura é um bom negócio para a economia local.


A Atlântica Comércio de Grãos, representada por Frederico Camargo, é responsável pela exportação de produtos brasileiros para os Estados Unidos. Com a parceria viabilizada pela Empresa Estadual Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-RO), a cultura do inhame será comercializada de forma direta pela empresa.


“Hoje, a produção de inhame do Vale do Guaporé vem sendo absorvida por municípios, como Ji-Paraná e Cacoal, e parte de sua comercialização é destinada ao Nordeste brasileiro, de lá, outra exportadora negocia o produto com países como Paquistão e Holanda. Com a exportadora Atlântica Comércio de Grãos, a compra será feita diretamente em nossa região”, explicou Luciano Brandão, gerente da Emater-RO no Território do Vale do Guaporé.


A região do Vale do Guaporé, localizada basicamente às margens da BR-429, conta com 340 produtores de inhame nos municípios de Alvorada do Oeste, Seringueiras, São Miguel do Guaporé e São Francisco do Guaporé. Juntos, em uma área totalizando 562,4 hectares, eles produzem em média 12.026,15 toneladas de inhame/ano, gerando uma renda de R$ 26.313.515, segundo dados obtidos na safra de 2016 fornecidos pela Emater-RO.


Segundo Luciano Brandão, a Emater-RO tem trabalhado com o objetivo de consolidar e fortalecer a cultura do inhame no estado. E com a abertura de novos mercados e a crescente demanda para consumo do inhame, os agricultores estão investindo cada vez mais na produção e na qualidade do produto. “Isso é muito importante, porque nosso produto está conquistando novos espaços no mercado”, salientou


Acompanhado pelos extensionistas da Emater-RO, o representante da exportadora, Frederico Camargo, visitou várias propriedades produtoras de inhame e disse que gostou do que viu. “É um grupo considerado de produtores que recebem assistência, e nota-se a satisfação dos produtores com excelentes lavouras bem conduzidas”, ponderou, acrescentando que o objetivo é estreitar o relacionamento com as associações que representam esses produtores para comprar o produto e atender aos clientes na América do Norte.


A Atlântica já sinalizou com a demanda de 27 mil quilos, a cada 10 dias, quantidade esta que representa 10% da produção de inhame da região. Serão três contêineres ao mês, durante o ano inteiro. “Agora estamos trabalhando para nos adequarmos a esta necessidade e ver a melhor forma de ter o produto à disposição durante o ano todo”, ressaltou Luciano Brandão.


Produção de inhame no Vale do Guaporé foi visitada por representante da Atlântica Comércio de Grãos

Produção de inhame no Vale do Guaporé foi visitada por representante da Atlântica Comércio de Grãos



 

Fonte - Assessoria

Fotográfo - Divulgação

 
 
 
 
 
 
Portaljipa © Direitos Reservados - Conheça os nossos Termos de uso
Portaljipa - Seu guia virtual! - 27.316.530/0001-08
  •  
  •  
  • Portaljipa